SOBRE A BRUCALDERON
A cozinha é um lugar mágico para mim, local onde posso criar e reinterpretar receitas e pratos incríveis. Meu objetivo é inspirar você à também colocar a mão na massa de uma maneira simples e descomplicada, fazendo com que o ato de cozinhar lhe traga descontração e muita alegria.  
Jundiaí / São Paulo
Preparado com carinho pela Bru. 2016-2018
Please reload

Posts Recentes

A MELHOR RECEITA DE DADINHO DE TAPIOCA PARA VOCÊ FAZER EM CASA

September 26, 2019

1/10
Please reload

Posts Em Destaque

RECEITA DE ABÓBORAS DE HALLOWEEN!

30 Oct 2019

Você passou o mês de outubro inteiro vendo lojas, shoppings e restaurantes repletos de monstros, caveiras e abóboras?

 

Se você é um bom observador, provavelmente dirá que sim. Mas, afinal de contas, o que é o Halloween?

Muito celebrado e popularizado por filmes e seriados dos Estados Unidos, o Halloween tem uma origem muito mais antiga do que a gente imagina. O Samhain, termo que significa “fim do verão”, marcava o início da época fria de inverno, o fim das colheitas e o início do ano novo celta que, de acordo com o calendário gregoriano, é comemorado no dia 1º de novembro.

 

Essa celebração era uma das mais importantes do calendário celta, e a tradição é tão forte que perdura até os dias de hoje, sendo comemorada em diversos países, com formatos e costumes diferentes.

 

Tradicionalmente, a festa de Samhain durava três dias, coincidindo com as seguintes festividades: 

  • vigília de todos os santos (31 de outubro);

  • dia de todos os santos (1º de novembro);

  • dia dos fiéis defuntos (2 de novembro). 

O termo “Hallowe´en” foi surgir apenas no século XVII, e refere-se a uma abreviação de “Allhallow-even”, que na língua escocesa significa “noite de todos os santos”.

 

Desde os primórdios, o período é associado aos temas da morte, do mundo dos mortos-vivos e dos espíritos, mas não no sentido de medo ou de susto, já que as festividades celtas eram uma forma de honrar todas as pessoas que já tinham passado por aqui e estavam, de certa maneira, no mundo dos mortos.

 

Com o passar dos anos, as comemorações que ocorriam tradicionalmente na Europa chegaram aos Estados Unidos junto com os imigrantes irlandeses, e assim a tradição ganhou o mundo. A data se tornou um evento em que todos se fantasiam, fazem brincadeiras, decorações e celebram de forma muito divertida e peculiar.

 

Aliás, uma das tradições essenciais dessa época do ano é ter uma abóbora esculpida compondo a decoração da festa. Mas não pense você que se trata de uma abóbora qualquer, viu? Ela é tão icônica que tem até nome! 

Jack o´Lantern é o nome da abóbora de Halloween que teve origem com uma lenda irlandesa chamada Stingy Jack. A lenda conta que o tal do Jack era um fantasma que assombrava as pessoas vagando pela terra depois de ter perdido uma aposta contra o próprio diabo. Para que o Jack não chegasse perto de suas casas, as pessoas esculpiam rostos “bravos” em beterrabas e batatas para assustá-lo e afastá-lo dali.

 

Nos últimos anos, o Brasil também tem aderido cada vez mais ao Halloween, e hoje em dia já encontramos muitas festas e decorações com esse divertido tema. 

 

Independentemente das histórias, dos temas até “macabros” e de quaisquer lendas, o que importa mesmo para mim é a diversão que essa época traz!

 

O que acontece é que já estamos tomados pela tradição e não há mais como voltar atrás; todo mundo comemora o Halloween. Sendo assim, por que não aproveitar para brincar com as crianças, se fantasiar e também entrar no clima aproveitando as festas para desmistificar tudo isso de forma lúdica e divertida?

 

Em alguns países, como Estados Unidos e Canadá, a tradição de ter sua abóbora de Halloween é praticamente lei e todo mundo cumpre. E quando digo “ter a sua abóbora”, quero dizer literalmente ir a uma fazenda escolher o seu fruto para a festa.

 

Especialmente no Canadá, existem diversas fazendas que, além da própria venda das abóboras, oferecem diversas atividades para a família toda se divertir nessa época do ano. São labirintos, casinhas mal-assombradas e o que mais você imaginar que tenha a ver com o tema.

Pois bem, as famílias costumam visitar essas fazendas para passar o dia, se divertir, brincar com as crianças e, é claro, escolher a sua abóbora preferida para levar para embora. Chegando em casa, ela é esculpida no melhor estilo Jack o´Lantern e é colocada na porta de casa, ficando ali durante todo o mês de outubro.

 

Muito interessante como cada cultura tem tradições e costumes tão diferentes dos nossos, não é verdade?

 

Mesmo tendo essa tradição de esculpir a abóbora, muitas famílias já aderiram à moda de também preparar uma receita usando o ingrediente, que cada vez mais tem se tornado presença confirmada nas portas e nas mesas dos norte-americanos e canadenses.

 

Se você se empolgou com a ideia, fique atento que hoje vou te contar como preparar um prato no maior estilo Halloween para você comemorar amanhã!

 

Mas calma, tá? Não vou te dar nenhuma receita maluca e não vou te ensinar a fazer nenhuma poção mágica. A ideia é aproveitar o tema para brincar e criar uma receita que tenha algumas referências do tema Halloween.

Hoje faremos uma receita de abóbora de Halloween! Mas também não é o Jack o´Lantern não, tá?

 

Hoje estou no maior estilo Halloween, te pregando peças ;-)

 

A receita é de abóboras recheadas e gratinadas tão deliciosas que vão fazer você querer comemorar o Halloween todos os dias!

 

Escolhi abóboras pequenas, com formatos e cores diferentes para ter a referência das fazendas de abóbora, preparei tudo na travessa quadrada preta da Emile Henry, aproveitando a tonalidade do refratário para dar um ar de Halloween à receita e o resultado foi incrível!

 

A Emile Henry é uma marca francesa trazida ao Brasil com exclusividade pela Imeltron e possui o grande diferencial de ser feita com HR Ceramic (High Resistance Ceramic), um material cerâmico de alta resistência, com durabilidade superior e uma tecnologia que suporta choques térmicos de -20° C a 270° C.

 

Esse tipo de refratário de cerâmica garante um cozimento por completo sem o risco de queimar o fundo da receita, já que as laterais e a base da travessa recebem a mesma quantidade de calor, fazendo com que a distribuição da temperatura seja uniforme.

 

Sem falar no cuidado com que essas peças são desenvolvidas! Todas são produzidas na França, passam por um rígido controle de qualidade e ainda são feitas à mão, uma a uma! Isso mesmo, cada peça da marca é assinada pelo artesão que a produziu. Incrível, não é mesmo?

 

E agora que você já sabe tudo sobre o Halloween, que tal preparar essas deliciosas abóboras recheadas para comemorar o dia de amanhã de uma maneira divertida e gostosa?

INGREDIENTES

5 abóboras

1 caixinha de creme de leite

100 gramas de queijo parmesão ralado

Cúrcuma 

Sal

Pimenta

 

MODO DE PREPARO

Lave bem suas abóboras, corte as tampas e retire as sementes de dentro. Enrole-as em papel manteiga e leve ao forno pré-aquecido por 25 minutos. 

Retire o papel e, com a ajuda de uma colher, retire um pouco da polpa da abóbora já cozida. Coloque essa polpa em uma tigela e misture o creme de leite, o queijo, o sal e a pimenta e um pouco de cúrcuma. Misture tudo e preencha as abóboras com o recheio. Cubra com queijo e leve novamente ao forno, agora por apenas 5 minutos ou até o queijo gratinar.